Seja bem vindo ao Luzes de Gaia
Quinta, 26 de novembro de 2020
Portal Luzes de Gaia

Artigos - Luzes de Gaia

Artigo

O Mundo Celta

A história dos Celtas se estendeu por 19 séculos, desde 1800 a.C. até o século I d.C.. O período mais importante da história Celta ocorreu entre 725 e 480 a.C. Os celtas se instalaram em uma imensa região das atuais repúblicas Tcheca, Eslovaca, Áustria, sul da Alemanha, leste da França e da Espanha, chegando a Grã-Bretanha.

O Celtas se instalaram na Europa num momento de expansão da colonização nesse continente, ainda em 4.000 a.C.. A sua cultura e território já estavam totalmente estabelecidos em 1800 a.C., nessa época os gregos e romanos nem sonhavam em nascer.

Não eram considerados um povo muito calmo e pacífico, eram guerreiros e o ritual para tornar um menino em adulto consistia em trazer a cabeça de qualquer pessoa que não fosse Celta. Com a cabeça na mão o menino recebia uma tatuagem que o consagrava adulto. Pela ausência de dados e documentos originais, uma grande parte da história desse povo é considerada hipotética.

Os seus sacerdotes eram os famosos Druidas, os quais detinham o conhecimento da escrita, pois ela era considerada mágica. Os Druidas inventaram lendas como a do rei Arthur e os cavaleiros da távola redonda, Tristão e Isolda, além da maioria dos contos de fadas, que com o tempo foram sendo modificados.

Os músicos, na sua maioria, eram ligados a classe sacerdotal dos Druidas. O tocar dos instrumentos era considerado uma manifestação do mundo dos espíritos, portanto o músico era considerado um ser com faculdades que lhe permitiam captar as manifestações do “outro mundo”, traduzindo o que absorveu para a música. A arte Celta dava preferência por temas ligados a natureza: árvores, flores, animais e seres sobrenaturais zoomorfos (formas animais).

Os Celtas exaltavam as forças telúricas – energia que ocorre a partir do centro da Terra. A natureza era a expressão máxima da Deusa-Mãe, a divindade era feminina, cuja manifestação era a própria natureza. Embora a sociedade não fosse matriarcal, mesmo assim a mulher era soberana no domínio das forças da natureza. Os ritos quase sempre eram realizados ao ar livre e o calendário anual possuía várias celebrações.

O povo Celta dominou um vasto território, mas em nenhum momento ele constituiu um Império com uma política organizada e estruturada. O que manteve os Celtas unidos foi a arte, a língua e a religião. A religião e a música estavam intimamente relacionados a temas de caráter religioso.

O declínio da civilização Celta ocorreu pela falta de um governo central entre as tribos Celtas. Eles foram o primeiro povo a se submeter ao Império Romano. Sob o comando de Júlio César, no século I a.C. os territórios habitados pelos Celtas tornaram-se província subordinada a Roma. Nesse mesmo período as tribos Celtas na Europa Central caiam no domínio dos povos germânicos. Dessa forma, a cultura e a arte Celta foi confinada na Ilha da Irlanda, ressurgindo novamente no início da Idade Média em um ambiente cristão católico.

    Sobre o(a) autor(a)

    Equipe Luzes de Gaia

    Equipe Luzes de Gaia

    A equipe do Portal Luzes de Gaia é composta por facilitadores e mediadores que vivenciam o universo holístico em todas as suas vertentes.

    Assine nossa newsletter

    Receba as últimas novidades, informações, dicas e curiosidades sobre o universo holístico diretamente em seu e-mail.